Pouco de Historia do Distrito

Santa Terezinha - CRISTAIS 

Santa Terezinha é um povoado que situa-se no município de Macaúbas no estado da Bahia.

Antigamente esse local era chamado de Cristais, porque na época havia várias pedras de cristal. Atualmente esse local é chamado de Santa Terezinha por causa da sua Padroeira.

Esse é um local que favorece a outros povoados com alguns de seus estabelecimentos como: posto de gasolina, posto de saúde, cemitério, farmácia, entre outros.

O padre José Maria, Camilo dos Santos, João Silvério, Augusto e André foram as primeiras pessoas a habitar nesse local, onde era o terreno de Antônio dos Santos.

Logo depois que a comunidade começou a ser construída, os moradores ergueram vários estabelecimentos como a igreja, que foi construída em 1930.

 

O povoado já teve uma feira, onde as barracas eram erguidas com paus e cobertas com panos, nessas barracas vendiam café com pão caseiro, eram vendidas também potes e moringas. Depois de algum tempo a feira acabou, por causa de muitos mercados que estava abastecendo, desestimulando os feirantes.

Em 1981 a Comunidade de Santa Terezinha era abastecida com água de poço artesiano que ficava próximo a casa do Sr. Chiquinho e era controlado pelo SAAE - Serviço Autônomo de água e Esgoto de Macaúbas, até a construção da barragem em Santa Terezinha (2003) que vem abastecendo a comunidade desde então. Os primeiros vereadores da comunidade em 1968 foi o Sr. Cornélio dos Santos Meira e João Filho Trindade. Atualmente a comunidade conta com um representante do legislativo de Macaúbas o vereador Sr. Roberto Oliveira Souza, conhecido como Roberto de Zé de Enedina.

O sistema de iluminação do povoado foi por muito tempo a motor, e tinha horário estabelecido para funcionar, que se iniciava às 18h e encerrava as 22 h. O motor ficava onde é hoje a padaria do Sr. Luiz. A energia elétrica chegou ao povoado no ano de 1985, o que se caracterizou com um grade avanço.

Havia na época dois barracões um para as pessoas venderem mercadoria e o outro onde ficavam os animais dos comerciantes, esses barracões eram muito mal feitos, pois não havia a mesma infraestrutura que temos hoje e mais tarde foi substituído por esse que se encontra no centro do povoado servindo para muitos eventos, como festejos juninos e eventos diversos.

A primeira escola da comunidade era feita de madeira, tendo como professora a Sra. Zilda Ribas, que por sinal foi a primeira professora formada do nosso povoado, ela vinha de macaúbas e ficava na residência do Sr. Camilo dos Santos Meira,  nessa época o prefeito era o Sr. Amélio Costa.

A comunidade de Santa Terezinha vem desenvolvendo bastante, Segundo o Sr. José David de Souza, o povoado tem cerca de 600 casas e cerca de 3.000 habitantes, varias ruas pavimentas, muitos comércios, praças, posto de saúde, posto de gasolina, lava rápido, quadra esportiva, entre outros.

 

Para saber mais

https://meira.no.comunidades.net/um-pouco-de-historia

Associação Comunitária Cultural e Educacional de Radio Difusão de Cristais © 2021 Todos direitos reservados